Neste sábado (25), foi realizada no Rio de Janeiro a primeira exibição do novo longa de Fábio Brandão, “A Morte Não Te Ama”.

A sessão especial no Cine System, no Recreio dos Bandeirantes, foi restrita ao elenco, equipe e familiares por conta da pandemia.

Sendo assim, os assentos dentro da sala de cinema precisaram estar espaçados para receber as pessoas e todos os protocolos sanitários e de segurança contra a COVID-19 foram respeitados, como apresentação obrigatória do comprovante de vacinação na entrada, uso de máscaras e distanciamento.

“Espero que a gente se divirta e espero que gostem do filme. Eu sei que tem gente aqui que é a primeira vez que está vendo seu trabalho em uma tela dessas e isso é muito bacana. Tomara que vocês gostem e tomara que isso mude o mindset de vocês”, disse Fábio antes da exibição, ao lado do produtor Raffa Tamburini.

Diretor Fábio Brandão apresenta seu novo filme no Rio de Janeiro

Curta foi convidado pelo Festival de Jaraguá do Sul

Após a sessão, o cineasta chamou o elenco e parte da equipe para conversar sobre os bastidores da produção, ensaios virtuais e set de filmagens, além de trazer curiosidades e destacar a participação do filme na 4ª edição do Festival de Jaraguá do Sul, que será realizado agora entre os dias 27 e 30 de setembro.

“Eu recebi o convite para fazer um curta experimental realizado em seis estados diferentes”, disse a protagonista Giovanna Muricy, citando o “Entes Paralelos” (2020), de onde foi tirada a personagem Selma. “Mas pandemia, né, aquela confusão toda. Então eu pensei, ‘Ah, ele vai esquecer’. Dois dias depois, ele [Fábio Brandão] me mandou o roteiro”, completou a atriz, ressaltando sua surpresa.

Giovanna Muricy fala sobre sua personagem em A Morte Não Te Ama

Daniel Baroni citou uma sequência que precisou ser bastante modificada na hora da gravação, pois as condições no set não eram as mesmas previstas pela equipe.

“A gente tinha tudo planejado para a cena e chegou na hora o Fábio quis mudar tudo. Tinha uma festa do COVID rolando ali perto e então teve mais plano-sequência do que o previsto. Ele deu um norte para gente e a gente seguiu”, relembrou Daniel, mencionando ainda luzes vindas de algum lugar e que atravessavam o set.

Em seu primeiro trabalho com Brandão, Ronald Sotto ressaltou a importância do cinema independente e feito sem verbas, na base da vontade e da garra.

“Muito feliz de estar aqui e participar desse projeto no amor, na dedicação. O João [Fernandes] entrou em contato comigo e disse que o Fabinho estava precisando de um cara gente boa e que ele pensou em mim. Aí, eu falei, ‘É, acho que sou eu’. A gente passou um mês ensaiando quase todos os dias”, contou o ator.

Quem quiser conferir “A Morte Não Te Ama” na programação do Festival de Jaraguá do Sul basta acessar a plataforma do InnSaei.TV a partir de amanhã (27) até a quinta-feira (30).

Aliás, na premiação de 2021, Fábio Brandão está na Mostra Competitiva com seu filme anterior, “Story.telling”, que estreou em março deste ano nos mesmos moldes que “A Morte Não Te Ama” por conta da COVID. As categorias em que o curta concorre serão reveladas nesta segunda-feira

“A Morte Não Te Ama”

Uma das poucas produções levantadas durante a pandemia do coronavírus, “A Morte Não Te Ama”, teve seu trailer divulgado em março pela produtora SLK.

O vídeo mostra algumas cenas da protagonista Selma. Ela é uma assassina em série que usa seu jeito de femme fatale para atrair e matar os homens. Quando se apaixona, a relação de Selma com a morte, que até então não permitia erros, pode ser comprometida.

Como destacado mais acima, a personagem apareceu pela primeira vez no curta “Entes Paralelos” (2020), com o roteiro e a produção de Isaac Huna. O filme foi dirigido por seis diretores, entre eles Roby Amaral, que comandou o segmento da Selma.

“A Morte Não Te Ama” já faturou alguns prêmios internacionais, como Melhor Atriz do Mês de Agosto para Giovanna Muricy no New York International Film Awards (NYFA), Melhor Thriller do Mês de Agosto no London Indie Short Festival, Melhor Filme Brasileiro do Mês de Setembro no BIMIFF e Escolha do Júri no Monthly Indie Shorts.

Fotos: André Mello

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *